Qual o papel da fisioterapia no parto?

Você já considerou usar a fisioterapia no parto? Ter o acompanhamento de uma profissional da área durante a gestação, o trabalho de parto e o pós-parto ajudará o seu corpo a se adaptar à gravidez sem que sofra disfunções e desconfortos.


A fisioterapeuta Karina Bianco, parceira da Clínica Mitera, explica como a fisioterapia pode ajudar durante essa fase. Confira!


Clínica Mitera - Fisioterapia no parto

Qual a importância da fisioterapia nos nove meses de gestação?

A fisioterapia atua no pré-natal preparando o corpo para as alterações fisiológicas da gestação e para o parto, independente da via do parto.


“Com a fisioterapia, nós conseguimos aliviar dores e desconfortos da gravidez, prevenir disfunções músculo esqueléticas, uroginecológicas e sexuais, minimizar a ansiedade e o estresse e orientar para a percepção no controle do trabalho de parto”, explica Karina.


Fisioterapia no parto: qual o papel da fisioterapeuta?

O papel da fisioterapeuta fica ainda mais importante durante o trabalho de parto, uma vez que auxilia no controle da dor das contrações uterinas com métodos não farmacológicos, como os exercícios respiratórios e de posturas verticais, massagem, o transcutaneous electrical nerve stimulation (TENS, um aparelho de relaxamento muscular) e exercícios na bola de ginástica.


“Por meio biomecânica da pelve, é possível realizar posições que facilitem a abertura da pelve, dando espaço para o encaixe e a descida do bebê. No momento do nascimento, o fisioterapeuta ajusta a posição escolhida pela mãe, prevenindo o risco de laceração perineal, que é o rompimento não intencional da musculatura da vagina”, esclarece Karina.


Após o parto, como a fisioterapeuta ajuda a mulher na recuperação do seu corpo?

O papel da fisioterapeuta não para na hora do parto não! Ela é fundamental para tratar disfunções após o parto, como a incontinência urinária e fecal, o retorno tardio da diástase (quando os grandes músculos abdominais se separam), prolapso de órgãos pélvicos (descida ou enfraquecimento dos órgãos) e disfunções sexuais.



Entendeu a importância da fisioterapia no parto? Se você está procurando uma profissional, a Clínica Mitera tem parceiras especializadas no acompanhamento da gestação!